Início » 10 orientações para administrar as finanças da sua empresa

10 orientações para administrar as finanças da sua empresa

Hoje, desenvolvi algumas orientações básicas para administrar bem as finanças do negócio próprio. Para quem quiser se aprofundar mais no assunto, recomendo a leitura do livro Papo Empreendedor – Uma reflexão essencial para chegar ao topo e ter sustentabilidade nos negócios, de minha autoria junto com o professor Irani Cavagnoli.

1. Ser educado financeiramente, pois, quem não sabe controlar as próprias finanças, terá muita dificuldade em administrar as da sua empresa;
2. Aprender que existe o pró-labore, portanto, não se pode fazer retiradas desregradas;
3. Ter bem estruturado o demonstrativo de resultados para, a partir dele, acompanhar a situação financeira e saber as possibilidades do empreendimento;
4. Saber a diferença entre custos, despesas e investimentos;
5. Estar familiarizado com termos técnicos – como margem de contribuição, capital de giro e ponto de equilíbrio, por exemplo;
6. Entender que, muitas vezes, é preciso assumir riscos para chegar ao sucesso, mas é preciso fazer com consciência;
7. No caso de dívidas, verificar se o negócio está dando lucro e a capacidade de pagamento da empresa e estabelecer as prioridades, considerando o valor de cada dívida, o seu custo e o risco do não pagamento;
8. Comprar com consciência, adquirindo produtos e serviços que são realmente necessários à sua empresa, que estejam no planejamento e somente após uma boa pesquisa de preço;
9. Procurar reduzir os custos improdutivos – ou seja, que não agregam valor ao negócio ou ao cliente – e o desperdício;
10. Aprender que uma dívida pode levar a outra, portanto, é importante fazer um orçamento minucioso, saber exatamente quanto se deve, analisar a capacidade de pagamento e sempre tentar uma renegociação do valor com o credor.